PREFEITURA MUNICIPAL 55 3748 1200 I FAX - 55 3748 1185 TELEFONES ÚTEIS

Estiagem provoca perdas na agricultura e racionamento de água em diversas localidades do município.

18 de novembro de 2020



A estiagem que assola todo estado do Rio Grande do Sul, atinge em cheio nosso município e está fazendo com que poços e açudes sequem em diversas localidades, faltando agua para o consumo humano e de animais. Além disso, as perdas na agricultura aumentam cada vez mais, o município de Erval Seco já decretou situação de emergência devido à falta de chuvas.


O decreto Nº 077/2020 fixa situação de anormalidade válida para as áreas comprovadamente afetadas pelo desastre, conforme contido no requerimento/FIDE do Decreto, que foi publicado no último dia 10 de novembro e autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem sob a Coordenação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil – COMPDEC, nas ações de resposta ao desastre e reabilitação do cenário e reconstrução.
Na agricultura, a Emater estima perdas superiores de 60% no milho, no leite redução em torno de 30 a 40 % na produção, e a preocupação com a falta de pastos futuros, sem falar no atraso do plantio da soja, pois com o solo seco não há germinação da semente, e também vai se perdendo o período ideal de planta.


Infelizmente já começa a ser comum encontrar pelas estradas do interior cenários que lembram o sertão: açudes esvaziados, terra rachada, e o caminhões pipa socorrendo famílias que não tem mais água para os animais.


Para tentar evitar o racionamento na cidade, a CORSAN companhia responsável pelo abastecimento da cidade, recomenda usar agua com racionalidade sem desperdício, informações foram repassadas pela gestora de Seberi, Erval Seco, Jaboticaba e Rodeio Bonito, gestora Gabriela de Lima.


Foto: Dieter Windmoller e Alessandro Klaesener

Vídeos Destaque

https://youtu.be/7vFk3G0LGx0

Informativo da Secretaria Municipal de Saúde.

Ver mais
Skip to content